No marketing digital, existem inúmeras possibilidades de planejamentos estratégicos, porém o intuito de todos eles, geralmente são os mesmos: gerar visibilidade resultando em conversões que irão gerar vendas.

Considerado um dos métodos mais eficazes, com garantia rápida de retorno, o Link patrocinado é um grande destaque da categoria, e quando o cliente está disposto a investir, ele certamente estará em meio ao planejamento.

Mas afinal, o que são links patrocinados?

O Links patrocinados, são anúncios, pagos, em forma de texto, encontramos em mecanismos de busca, como o Google, por exemplo.

Ao realizar uma pesquisa, no topo dos resultados, se encontrarão sites em destaque, estes, são anunciantes, ou seja, utilizam a estratégia de links patrocinados.

Essa modalidade, também existe nas redes sociais, como Facebook e Instagram, geralmente separados em:

-CPC: Custo por clique

Aqui, cada clique que um usuário der, no link patrocinado, o anunciante irá pagar um valor.

-CPA: Custo por ação

O anunciante paga, quando o usuário realiza qualquer ação dentro do site da empresa, como, por exemplo, preencher um formulário de contato.

-CPM: Custo por mil impressões

As impressões, são iguais as visualizações, ou seja, a cada mil visualizações de seu anúncio, é cobrado um determinado valor.

-CPV: Custo por visualizações

Diferente do CPM, o COM gera um valor a ser pago, a cada pessoa que visualiza o anúncio patrocinado.

Os custos não são fixos, mas se pode ter uma média deles, ao realizar as configurações da campanha.

De acordo com as predefinições, a campanha aparecerá para o público direcionado, essa é a grande vantagem, pois suponhamos:

Eu procuro um vaso para comprar, então faço uma pesquisa no Google.

Se eu achar o que eu quero nos primeiros links, eu não tenho motivos para olhar o restante.

Por isso, muitas empresas investem pesado em links patrocinados, o topo da busca geralmente é atrelado a uma quantidade maior de contatos, solicitações de orçamentos e visitas ao site.

Tags: